Vegetais de baixos carboidratos e de alto, você sabe quais são?

Vegetais de baixos carboidratos e de alto, você sabe quais são?

 

Uma maneira muito fácil de saber quais são os vegetais low carb.

 

A maioria dos vegetais sem amido possui baixíssimos carboidratos, menos de 5g em meia xícara, mas existem umas diferenças.

Os vegetais são baixos em calorias, mas ricos em vitaminas, minerais e outros nutrientes importantes. Além disso, muitos são baixos em carboidratos e ricos em fibras, tornando-os ideais para dietas de baixo teor de carboidratos.

A definição de uma dieta com baixo teor em carboidratos varia muito, mas a maioria está abaixo 150 gramas de carboidratos por dia, e alguns são tão baixos quanto 20 gramas por dia.

O consumo de vegetais é importantíssimo para a manutenção da saúde e criar o hábito de ingeri-los diariamente traz inúmeros benefícios para você.

Os vegetais estão separados em 4 grupos, e dependendo da qual parte da planta eles vieram. Como regra geral, isso funciona muito bem quando queremos saber se possuem altos ou baixos carboidratos. Vejamos:

 

As folhas: nas folhas estão as menores quantidades de carboidratos, e não geram impacto sobre o açúcar no sangue. As folhas são também muito ricas em fitonutrientes, vitaminas e minerais. São elas: O alface que fornece quantidades significativas de vitamina A, C e K, além de também ter altas concentrações de folato. O espinafre é um superalimento. Ele previne contra os danos ao nosso DNA e protege a saúde do coração e dos olhos, bem como a couve e o repolho.

 

Os talos e as flores: também são baixos em carboidratos. São eles, o aspargo, couve-flor, o brócolis da família dos crucíferos, assim como a couve, a couve-de-bruxelas, o rabanete e o repolho, a abobrinha que em uma xícara você encontra 4 gramas de carboidratos. Alguns estudos já mostraram como esse ingrediente pode ajudar pessoas diabéticas.

Estes dois grupos são a categoria dos vegetais low carb mais recomendados que você pode consumir à vontade.

As frutas: nesta parte onde se encontram as sementes que em termos botânicos, essas são as frutas e muitas delas são low carb (embora tenhamos o costume de chamar de frutas as que conhecemos como fruta). Os pimentões, abóboras de todos os tipos, como as vagens verdes, tomates e berinjelas também estão neste grupo.

 

Muitos se enganam com o abacate, por causa de sua gordura. Porem o abacate possui bem menos carboidratos tanto é que entra no grupo dos alimentos de baixíssimos carboidratos, Os abacates também são ricos em ácido oleico, gordura monoinsaturada que tem efeitos benéficos sobre a saúde. Em estudos sobre o abacate descobriram que ele pode ajudar a diminuir os níveis de colesterol LDL e triglicerídeos.

Eles também são uma boa fonte de vitamina C, folato (também chamado de ácido fólico ou vitamina B9) e potássio sendo uma ótima opção para consumo sem restrições. Já as bananas possuem elas podem enganar, tem os mais altos níveis de carboidratos, sendo uma das frutas muito calóricas e que devem ser evitada.

 

As raízes e sementes: As raízes tem alta concentração de carboidratos como as batatas, mandioquinha, mandioca (macaxeira), todas estas devem ser evitados em uma dieta low carb. Já os rabanetes e nabos; estes podem ser consumidos sem problemas, possuem níveis muito baixos de carboidratos.

As cenouras e beterrabas possuem um teor mediano de  carboidratos e também são considerados vegetais low carb. Consuma pouco se seu objetivo for o emagrecimento.

 

As ervilhas, lentilhas e o milho tem um teor alto de carboidratos. E não são aconselháveis para o consumo em uma dieta low carb, pois são rapidamente absorvidas pela corrente sanguínea.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *