Uma ajuda contra a azia!

Uma ajuda contra a azia!

Muitas pessoas apresentam problemas de digestão, como a azia e a prisão de ventre, que estão entre os desconfortos mais conhecidos. 10% é a quantidade de pessoas que sofrem de azia, e de trinta a quarenta por cento apresentam ocasionalmente os sintomas da azia. A azia é caracterizada pelo sintoma característico de refluxo do suco gástrico para o esôfago. A sensação de azia ou queimação costuma aparecer invariavelmente nas duas primeiras horas depois de ter feito a refeição, principalmente  quando se deita, e melhora com o uso de antiácidos.

Os sintomas são vários e incluem  de queimação no trajeto do esôfago e gosto ácido na boca, até crises de asma noturna, tosse e dores no peito. Também com o tempo outros sintomas se fazem presentes como complicações do refluxo: ulcerações no esôfago. A convergência moderna é considerar o refluxo como doença crônica. Seus sintomas podem desaparecer com o tratamento, mas retornam rapidamente com sua interrupção.

O refluxo

Como o refluxo surge quase sempre depois das refeições, é importante não comer exageradamente nem tomar muito líquido para evitar distensão do estômago.  Eliminação mais eficaz da produção de ácido pode ser conseguida com os inibidores de bomba de prótons (omeprazol, lansoprazol, esomeprazol e outros), o que explica a preferência dos médicos por essas drogas.

Azia dói, mas o tratamento excessivo também. Foi a conclusão de uma recente coletânea de estudos da revista Arquives of Internal Medicine, examinou os riscos dos inibidores da bomba de prótons, medicamentos poderosos que impedem a produção de acido clorídrico no estomago. São eficazes, mas perigosos se usados em excesso. Noventa por cento do tratamento da zia devem corresponder à alimentação.

Apenas dez por cento devem ser feitos com medicamentos, como os pesquisadores verificaram que pacientes internados que tomaram por um período longo estes medicamentos tiveram a chance de sofrer infecções por Clostridium, uma perigosa superbacteria.  Nas mulheres mais velhas, o uso em longo prazo aumenta a probabilidade de sofrer fraturas, já que a perda de cálcio é maior. E estudos anteriores mostraram que fica mais provável ter pneumonia.

Para combater a azia

Para combater a azia você deve ter uma alimentação rica em fibras, pois as fibras são importantes, pois prolongam o tempo que o alimento permanece no tubo digestivo. Um remédio natural e que pode ser tomado sem contra indicações e a batata inglesa ela é um alimento alcalino e tirara a acidez do estômago, eliminando a azia e a queimação na garganta rapidamente. Outro remédio muito bom também é o xarope de erva doce com hortelã. Porem serve apenas para azia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.