. . : Alimentos Transgênicos : .

O Milho modificado

Milho modificado

Os alimentos transgênicos são acusados por cientistas  de  causar impactos irreparáveis  ao meio ambiente.

O núcleo dos alimentos são modificados  geneticamente em laboratórios com a tentativa  de melhorar a qualidade e resistência a pragas dos alimentos. Os genes de plantas e de animais são então combinados manipulados e seus núcleos manipulados. Estes produtos Transgênicos,  geneticamente modificados, são então depois da fase laboratorial, enxertados na agricultura ou na pecuária. Muitos países estão adotam esta pratica transgênica na intenção de aumentar a produção e diminuir seus custos.

Da-se a  modificação transgênica, através de técnicas que incluem DNA recombinante, introdução direta em um ser vivo de material hereditário de outra espécie, incluindo micro-injeção, micro-encapsulação, fusão celular e técnicas de hibridização com criação de novas células ou combinações genéticas diferenciadas, ou seja, que não encontramos na natureza.

Uma técnica muito utilizada na agricultura transgênica é a manipulação química de defensivos agrícolas no gene das plantas. Na intenção de a planta adquira resistência a certas doenças. A biotecnologia estuda a aplicação destas técnicas na produção de alimentos transformando-os para produzirem mais e com mais qualidade.

Nesse cenário, os transgênicos representam um duplo risco. Primeiro por serem resistentes a agrotóxicos, ou possuírem propriedades inseticidas, o uso contínuo de sementes transgênicas leva à resistência de ervas daninhas e insetos, o que por sua vez leva o agricultor a aumentar a dose de agrotóxicos ano a ano. Não por acaso o Brasil se tornou o maior consumidor mundial de agrotóxicos em 2008 – depois de cerca de dez anos de plantio de transgênicos – sendo mais da metade deles destinados à soja transgênica, primeira lavoura transgênica a ser inserida no País.

Os alimentos transgênicos podem proporcionar o aumento da produção de alimentos melhoria do conteúdo nutricional, desenvolvimento de nutricênicos (alimentos que teriam fins terapêuticos); Maior resistência e durabilidade na estocagem e armazenamento. Mas por outro lado estes mesmo alimentos transgênicos podem causar aumento das reações alérgicas, extermínio de outras plantas ou ervas pelo processo de seleção natural, pois, as transgênicas possuem maior resistência às pragas e pesticidas. Apesar de eliminar pragas prejudiciais à plantação, o cultivo de plantas transgênicas pode, também, matar populações benéficas como abelhas, minhocas e outros animais e espécies de plantas.

E você o que acha dos alimentos transgênicos. comente, de sua opinião, será um prazer.

Talves você também goste de:

Os alimentos transgênicos devem ser liberados

Alimentos Funcionais

O poder dos Alimentos

Até breve

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *