O Sal que quase levou meu pai

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Hoje quero falar de um elemento da natureza que necessitamos, mas que ao mesmo tempo acaba se tornando um assassino lento, silencioso e mortal. O sal

Estou me referindo ao sal. Na quarta feira dia 17 de outubro, estava com meu pai no supermercado local aqui em João Pessoa quando ele me falou que estava se sentindo mau, com tontura e queria sentar. Ao conduzi-lo a uma cadeira notei extrema dificuldade em andar. Aos poucos foi se recuperando após ingestão de água e café. Retornamos para casa acreditando ter se tratado de uma simples tontura, porem naquele exato momento ele teve um AVC. Caracterizado como Isquemia cerebral aguda. Na quinta feira apenas fraqueza nas pernas e confusão mental, como o meu pai já tem 89 anos tomamos o fato como normal. Porem na sexta feira os sintomas continuaram, fomos então no hospital Memorial apenas para verificar estes sintomas.

No hospital a medica solicitou uma tomografia que então foi constatado o AVC. Meu pai ficou então internado e na semana que se seguiu se quadro teve uma queda, ficando ele quase sem movimentos nas pernas, com fala embolada e alucinações com muita confusão mental. Após intervenção dos médicos um neurologista e um cardiologista foi conseguido estabilizar seu quadro. Segundo o neurologista o que meu pai teve foi um pico de pressão sendo diagnosticado como hipertenso. Hoje graças a Deus ele já se encontra em casa sob cuidados e medicação, fazendo fisioterapia para recuperação de seus movimentos.

Venho então alertar aqui para o perigo do sal. Meu pai nunca foi hipertenso, porem apesar de nossa alimentação ser saudável com muita verdura e pouco sal e sal marinho, um outro vilão se fez presente sem que percebamos. Nos finais de semana e mesmo durante a semana ele sempre foi adepto do amendoim salgado, das castanhas e outros aperitivos que contém sódio e que se somando acabaram elevando sua pressão e o tornando hipertenso. Graças a Deus foi um AVC brando pois o que ajudou foi sua alimentação e o fato dele não fumar e raramente beber.

O maior problema do sal está no sódio, presente também em muitos produtos industrializados.  O  sal de mesa é também conhecido como cloreto de sódio e o problema está no sódio e não no cloreto. Sabe-se que o sal de mesa tem 40% de sódio, ele também  está presente em vários produtos industrializados que consumimos diariamente, como pães, queijos, cereais, bolachas, enlatados, etc. A elevada ingestão de cloreto de sódio (sal de cozinha) faz o organismo reter mais líquidos e aumentar de volume, podendo levar ao aumento da pressão sanguínea e causar a hipertensão, responsável por infarto e acidente vascular cerebral. Nosso consumo deve ser no máximo de 6 gramas por dia, pois nosso organismo utiliza uma série de recursos para manter o equilíbrio dos líquidos do corpo.

Quando os níveis de sódio ficam altos no sangue, ocorre a liberação de alguns hormônios resultando na retenção de líquidos. Esse efeito pode aumentar o volume de sangue circulante e sobrecarregar o coração, elevando a pressão arterial. Pessoas que sofrem de hipertensão se beneficiam claramente da redução da ingestão de sal e sódio. Produtos integrais proporcionam uma alimentação que ajudam no controle da pressão arterial, como ingerir mais fibras e menos alimentos ricos em gordura animal saturada. Alimentos ricos em cálcio também contribuem para o bom controle da pressão arterial.

Você pode fazer uso de temperos  naturais que substituem o sal, tais como a  sálvia que é uma erva medicinal muito usada na cura de edemas, afecções da boca, bronquite, tosse e aftas. Além disso, ela possui um sabor muito agradável que combina perfeitamente com aves e massas. O manjericão também  da um gosto ótimo na comida, no arroz ou no feijão e é ótimo para o coração e o sistema cardiovascular. Outra erva é o estragão de gosto forte adocicado muito usada na culinária fica muito bom em molhos e peixes.

Como observamos o sal não é insubstituível ele pode ser facilmente substituídos por temperos naturais que, além de serem muito mais gostosos, preservam nossa saúde. Agora você já sabe caso tenha pressão alta substitua o sal pelos temperos.

Até a próxima

[wpsr_sharethis]  [wpsr_facebook]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *