Ameixa uma forma doce de ficar forte

 

Ameixa uma forma doce de ficar forte

Quando pensamos em alimentos que mantém os ossos fortes. Estudos recentes indicam que a Prunus domestica,  a pequena ameixa oval que consumimos seca, é a melhor fruta para o fortalecimento dos ossos, segundo o pesquisador e Ph.D Bahram Arjmandi, da Universidade do Estado da florida. Em pesquisas as ameixas secas não só evitaram a perda ossos como também  a reverteram. As pesquisas preliminares em mulheres após a menopausa indicam que as ameixas podem ser igualmente eficazes nestes sintomas. O que há de tão especial na ameixa? Ela é rica em antioxidantes, que combatem doenças, e excelente fonte de boro, potássio e vitamina K, importantíssimos para a saúde óssea. As mulheres do estudo comeram oito a dez ameixas secas por dia, porem sabe-se que com três já há benefícios para os ossos.

A época da ameixa vai de dezembro a fevereiro, e pertence à família botânica Rosaceae, ao qual também  pertencem também  a  cerejeira , o pessegueiro e a amendoeira. São todos considerados frutos carnosos e de apenas uma semente. Ela é muito rica em fito nutrientes tais como o ácido neoclorogénico e o acido clorogénico. Estes são fenóis e sua ação é antioxidante. Quanto  mais maduras maior a concentração destes fenóis. De modo geral, as ameixas contêm altas concentrações de antioxidantes e são boas fontes de vitaminas A, B, C, E, e ainda cálcio, betacaroteno e ferro. Ameixas também possuem um alto grau de magnésiosódio e potássio, que ajudam na manutenção da  saúde óssea. Tanto as ameixas frescas como as secas aumentam ainda a absorção de ferro pelo organismo. Graças ao seu conteúdo de fibras  e carboidratos, a ameixa é laxativa, recomendando-se o consumo da fruta contra a prisão de ventre.

Quando pensamos em alimentos que mantém os ossos fortes. Estudos recentes indicam que a Prunus domestica,  a pequena ameixa oval que se costuma consumir seca, é a melhor fruta para o fortalecimento dos ossos, segundo o pesquisador e Ph.D Bahram Arjmandi, da Universidade do Estado da florida. Em pesquisas as ameixas secas não só evitaram a perda ossos como também  a reverteram. As pesquisas preliminares em mulheres após a menopausa indicam que as ameixas podem ser igualmente eficazes nestes sintomas. O que há de tão especial na ameixa? Ela é rica em antioxidantes, que combatem doenças, e excelente fonte de boro, potássio e vitamina K, importantíssimos para a saúde óssea. As mulheres do estudo comeram oito a dez ameixas secas por dia, porem sabe-se que com três já há benefícios para os ossos.

A época da ameixa vai de dezembro a fevereiro, e pertence à família botânica Rosaceae, ao qual também  pertencem também  a  cerejeira , o pessegueiro e a amendoeira. São todos considerados frutos carnosos e de apenas uma semente. Ela é muito rica em fito nutrientes tais como o ácido neoclorogénico e o acido clorogénico. Estes são fenóis e sua ação é antioxidante. Quanto  mais maduras maior a concentração destes fenóis. De modo geral, as ameixas contêm altas concentrações de antioxidantes e são boas fontes de vitaminas A, B, C, E, e ainda cálcio, betacaroteno e ferro. Ameixas também possuem um alto grau de magnésiosódio e potássio, que ajudam na manutenção da  saúde óssea. Tanto as ameixas frescas como as secas aumentam ainda a absorção de ferro pelo organismo. Graças ao seu conteúdo de fibras  e carboidratos, a ameixa é laxativa, recomendando-se o consumo da fruta contra a prisão de ventre.

Existem diversas variedades de ameixa. Estas podem ser redondas ou alongadas, ter diferentes sabores e cores, como amarelo, verde, vermelho ou lilás e podem variar em tamanho e textura. O teor em água também pode variar, assim como as diferentes utilizações de cada uma das variedades. A época de colheita vai desde meados de Junho até Agosto, embora a colheita possa ser mais temporã em determinados lugares e para algumas variedades mais precoces. Uma variedade muito consumida e a japonesa com frutos de tamanho grande e vermelho escuros, sobretudo quando amadurecem. O seu sabor é doce e a polpa é amarela. Pouco produtiva e de muito boa conservação do fruto.

Podem-se encontrar ameixas praticamente todo o ano, graças ao grande número de variedades existentes e à sua proveniência de diferentes países produtores. É um fruto de Verão. Símbolo de fecundidade em várias culturas, a ameixa é um fruto muito saudável e com ótimas propriedades medicinais. A ameixa tem sido utilizada desde a Antiguidade para desintoxicar o organismo e combater a constipação. As ameixas secas são um dos laxantes naturais mais conhecidos e eficazes, devido à quantidade de fibra insolúvel que fornecem, e o seu teor em fibra solúvel torna-as adequadas para regular os níveis de colesterol no sangue.

As ameixas são recomendáveis em caso de stress, reumatismo, problemas hepáticos, hemorroidas e anemia. As crianças podem consumi-las como guloseima, pois favorecem o crescimento e o rendimento intelectual, embora não se recomende a crianças com menos de três anos porque podem ser irritantes para o intestino.

A ameixa é um alimento muito energético (36-52,20kcal/100g) e por isso boa para os desportistas. No entanto, as ameixas secas não são aconselháveis para os diabéticos e para dietas de emagrecimento dados o seu alto teor em açúcar.

Variedades:

Existem diversas variedades de ameixa. Estas podem ser redondas ou alongadas, ter diferentes sabores e cores, como amarelo, verde, vermelho ou lilás e podem variar em tamanho e textura. O teor em água também pode variar, assim como as diferentes utilizações de cada uma das variedades. A época de colheita vai desde meados de Junho até Agosto, embora a colheita possa ser mais temporã em determinados lugares e para algumas variedades mais precoces. Uma variedade muito consumida e a japonesa com frutos de tamanho grande e vermelho escuros, sobretudo quando amadurecem. O seu sabor é doce e a polpa é amarela. Pouco produtiva e de muito boa conservação do fruto.

Podem-se encontrar ameixas praticamente todo o ano, graças ao grande número de variedades existentes e à sua proveniência de diferentes países produtores. É um fruto de Verão. Símbolo de fecundidade em várias culturas, a ameixa é um fruto muito saudável e com ótimas propriedades medicinais. A ameixa tem sido utilizada desde a Antiguidade para desintoxicar o organismo e combater a constipação. As ameixas secas são um dos laxantes naturais mais conhecidos e eficazes, devido à quantidade de fibra insolúvel que fornecem, e o seu teor em fibra solúvel torna-as adequadas para regular os níveis de colesterol no sangue.

As ameixas são recomendáveis em caso de stress, reumatismo, problemas hepáticos, hemorroidas e anemia. As crianças podem consumi-las como guloseima, pois favorecem o crescimento e o rendimento intelectual, embora não se recomende a crianças com menos de três anos porque podem ser irritantes para o intestino.

A ameixa é um alimento muito energético (36-52,20kcal/100g) e por isso boa para os desportistas. No entanto, as ameixas secas não são aconselháveis para os diabéticos e para dietas de emagrecimento dados o seu alto teor em açúcar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *