• G+

È o seu corpo use-o bem!

 

 

 

 

Com o nosso tipo de vida cada vez mais sedentário, principalmente, no Ocidente, ficamos mais sedentários a medida que envelhecemos. Será que isso tem importância? Tem, por que é o único corpo que temos e se o maltratamos ou não cuidamos dele somos nos que sofremos as consequências. A saúde, a própria vida, é posta em risco pela inatividade.

A atividade física é uma parte natural da vida humana, como dormir e comer. Quem observa como as crianças se mexem e correm não podem duvidar disso. Mas, com o passar dos anos, nossa tendência e capacidade para o exercício diminui gradualmente, como resultado de empregos sedentários, transporte acessível e ocupação do tempo livre em casa, em atividades como ver televisão, ler, costurar etc.

Por isso tornam-se necessário fazer exercício de forma deliberada e planejada. Por que sem atividade, o corpo deteriora-se e, além disso os riscos para uma a saúde de uma vida sedentária, com a pressão arterial alta e acumulo de colesterol, tem que ser compensados. Talvez de igual importância e o simples fado de que o exercício nos faz sentir melhor. Ficar em forma diminui a tensão e o stress o que estimula tanto a suade física como mental.

O exercício, na verdade, faz com que nossos pulmões, coração, sangue e músculos trabalhem mais eficientemente.

O coração também é um músculo. Sua tarefa é bombear sangue para todo o corpo, primeiro para os pulmões onde vai buscar oxigênio e depois novamente para o coração, para ser levado para os órgãos e tecidos. Cada compressão da bomba é sentida com um batimento do coração, ou uma pulsação em cada jorro de sangue. O exercício torna o músculo cardíaco elástico e mais forte assim, a cada batimento, ele contrai-se  e expande-se mais eficazmente expelindo mais sangue e fortalecendo as artérias.

A escolha do exercício

Quando pessoas que levaram uma vida sedentária durante anos decidem iniciar um programa de exercícios, surgem em geral duvidas quanto ao tipo de que devem adotar e quanto à necessidade de consultar ou não a opinião de especialista. Embora se deva consultar um profissional de Educação física antes de iniciar qualquer programa de exercícios, é importante observar que programa será mais adequado para este inicio. Faço-o sempre com a orientação de um profissional, procure uma academia, pois lá terá mais orientações e apoio, alem de uma sociabilização como os membros da academia.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *