Hibisco flor comestivel

Hibiscos

 

Flor comestível sob a forma de chá

Flor comestível, consumida principalmente sob a forma de chá, faz bem para o coração e dar uma força no emagrecimento. Conheça todos os efeitos benéficos de incorporar a planta à dieta.

Há vários tipos de hibiscos e o que pode ser usado na alimentação é o Hibiscus sabdariffa. A planta, cuja flor é comestível, também é conhecida popularmente como rosela, vinagreira, azedinha e caruru-azedo. Originário da África e da Ásia, hoje, o hibisco comestível pode ser encontrado em varias regiões do Brasil, principalmente no Nordeste do país.

Propriedades Nutricionais

Diversas partes da planta podem ser aproveitadas na culinária. As folhas são boas para saladas e o cálice para fabricação de geleias, doces, picles, vinhos, vinagre sucos. Mas é o  chá, produzido com os cálices da flor, secos à sombra, a forma mais eficaz de aproveitar suas propriedades. Entre os nutrientes se destacam os minerais (como o cálcio, magnésio, ferro e potássio) e as vitaminas A e C. O efeito no emagrecimento fica por conta de outras substâncias, como os polifenóis. Presentes no cálice das flores, elas inibem a formação de tecidos gordurosos, auxiliando no processo de emagrecimento, e ajudando na eliminação de líquidos ajudando no processo.

Outra importante substancia no hibisco é um pigmento chamado antocianina. Ele reduz a oxidação do colesterol ruim, prevenindo doenças cardiovasculares. Afirma a nutricionista Bruna Murta, da rede Mundo Verde. A planta ainda tem vitamina C e ácido málico, antioxidante que diminuem o risco de câncer e retarda o envelhecimento celular. O consumo regular do chá pode ainda ter efeito digestivo, atuar em dores articulares, reduzir a pressão arterial e proteger o fígado. Porem é importante não abusar do chá, já que o excesso pode causar intoxicação e diarreia. O ideal é toma-lo nos intervalos entre as refeições até 3 xicaras por dia. Não confundir como hibisco planta ornamental que é outra espécie comumente encontrada em jardins que é a Hibiscus rosa-sinensis . Fica então a dica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *