• G+

Por que temos enxaqueca?

EnxaquecaA interação entre a enxaqueca e a nutrição é um tema amplo e polêmico e existem muitos mitos e verdades sobre o assunto. Vários são os fatores alimentares desencadeantes de crises de enxaqueca, mais muito mais freqüentes são os mitos relacionados a eles.

Os alimentos capazes de desencadear a enxaqueca possuem em sua composição substancias capazes de provocar alterações no calibre dos vasos sanguíneos do encéfalo, primeiramente diminuindo-os e depois os aumentando são estas alterações do diâmetro das veias que provocam mudanças na visão e dores de cabeça ou a enxaqueca clássica. Quando há um aumento do consumo de doces açúcar e álcool, pode acontecer hipoglicemia o organismo reconhece uma falta de energia no cérebro para seu funcionamento normal e utiliza outros mecanismos para manter os níveis de glicose cerebral.

Um dos mecanismos é o aumento da produção de cateco laminas (gerando vaso constrição dos vasos sanguíneos, que tem como conseqüência o aumento da freqüência cardíaca, da temperatura, irritabilidade e a produção de prostaglandinas que causam vaso dilatação

Sabe-se que para algumas pessoas que sofrem de enxaqueca, o vinho tinto pode ser desencadeante do problema. Alimentos como o café, chás e chocolate entre outros devem ser evitados, pois possui cafeína, uma substância normalmente referida como desencadeante da cefaléia níveis elevados de lipídios plasmáticos de ácidos graxos livres também podem predispor a agregação plaquetária, redução de ceretonina e aumento de prostaglandinas, torando-se assim fatores de desencadeamento de enxaqueca.

Alguns estudos demonstram que a deficiência de magnésio pode representar um importante papel no desenvolvimento da enxaqueca no período menstrual. Outros estudos sugerem que as isoflavonas da soja que agem como moduladoras dos receptores seletivos naturais do estrógeno diminuindo as crises outros dois fatores que podem contribuir para o desencadeamento de crises são a presença e helicobacter-pylorum detectado através de endoscopia, e hipoglicemia reativa. Outros alimentos também podem estar relacionados às crises, como frutas cítricas e alimentos gordurosos (carne de porco, amendoim, nozes)

Deve-se lembrar que os alimentos capazes de desencadear a dor de cabeça variam com a sensibilidade das pessoas. desta forma é importante   que se identifique os alimentos capazes de aumentar a freqüência das dores

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *